Quem decide fazer seus próprios ovos de Páscoa, seja para saborear, presentear ou até mesmo vender, precisa saber algumas informações essenciais para que os chocolates fiquem perfeitos. Por isso, no post de hoje, a BarraDoce vai te ensinar a preparar o chocolate para que os seus ovos de Páscoa, tanto maciços quanto recheados, fiquem extremamente deliciosos!

Escolhendo o chocolate

Há uma infinidade de opções de chocolate para você fazer seus ovos de Páscoa, o que pode acabar te deixando em dúvida na hora de escolher. Cada chocolate possui características distintas e é importante saber disso para que você compre o chocolate ideal para fazer os ovos de Páscoa de acordo com o seu gosto (ou dos seus clientes).

Os chocolates mais conhecidos e usados são o chocolate ao leite, o meio amargo e o branco. O primeiro é o chocolate mais comum, que normalmente compramos nos supermercados. É composto por massa de cacau ou licor de cacau, açúcar e leite, ingrediente este que faz com que tal chocolate tenha uma consistência mais cremosa do que os outros.

Já o meio amargo é composto principalmente pela massa de cacau e pela manteiga de cacau, possuindo um teor de açúcar bem baixo, o que confere o sabor menos doce característico do desse chocolate, sendo também o menos gorduroso entre todas as opções.

uma imagem sobre ovo de Páscoa de colher

Por último, temos o chocolate branco, que é composto apenas por manteiga de cacau, leite e açúcar. É o chocolate mais gorduroso e doce entre os três, sendo também bastante cremoso e normalmente é bastante querido entre os chocólatras por conta dessas características.

Independentemente do chocolate que você escolher, é importante saber que a qualidade do chocolate está diretamente relacionada à quantidade e ao tipo de gordura presente nele. Sendo assim, podemos dividir essa categoria em três partes:

Chocolate puro/nobre

É o chocolate cuja gordura é composta predominantemente por manteiga de cacau. Quando esse chocolate é derretido, ele precisa passar pelo processo de temperagem para que ele possa ser moldado novamente. É considerado o chocolate de melhor qualidade e por isso é o mais indicado para a preparação de trufas, bombons e ovos de Páscoa.

Chocolate fracionado

É um chocolate que possui baixo teor de cacau, que normalmente está presente em pó, e não tem manteiga de cacau em sua composição. Nele, são usados outros tipos de gordura vegetal, fazendo com que esse chocolate não precise passar pela temperagem. É bastante indicado para coberturas e decorações por conta da sua fluidez.

Chocolate hidrogenado

Utiliza gordura vegetal hidrogenada na sua composição e também dispensa o processo de temperagem, assim como o chocolate fracionado. Por ser bastante gorduroso, esse tipo de chocolate deve ser evitado em bombons, doces finos e principalmente nos ovos de Páscoa.

Agora que você já conhece melhor cada tipo de chocolate e já sabe qual deles é a melhor opção para os seus ovos ficarem deliciosos, vamos à preparação. Para fazer os ovos, tanto maciços quanto recheados, é preciso derreter o chocolate, obviamente.

Isso pode ser feito no micro-ondas ou em banho-maria, porém tenha cuidado caso escolha o micro-ondas para derreter o chocolate e tenha paciência para ir derretendo aos poucos, pois caso você coloque o chocolate no micro-ondas por muito tempo, o chocolate pode queimar.

uma imagem sobre ovo de Páscoa maciço

Caso você tenha escolhido trabalhar com o chocolate nobre, depois de derrete-lo, você vai precisar submete-lo ao processo de temperagem, e você pode aprender tudo sobre isso clicando aqui. Se você tiver escolhido trabalhar com o chocolate fracionado ou hidrogenado, pule esta etapa.

Depois de derreter e temperar o chocolate, é hora de modelar! Para os ovos maciços, você vai aplicar o chocolate no molde até que ele fique totalmente preenchido. Retire os excessos utilizando uma espátula e vire o molde de chocolate em uma superfície plana, que que o ovo fique sem nenhuma bolha de ar. Após fazer isso, leve o molde à geladeira para o chocolate cristalizar e espere até que o molde fique opaco para desenformar o ovo.

Para os ovos recheados, o processo é bastante parecido, mas antes de levar o molde à geladeira, inverta-o para que o chocolate escorra e forme apenas uma casquinha fina. Leve à geladeira até a forma ficar opaca. Retire o ovo, recheie com o sabor que você desejar, e cubra o recheio com outra camada de chocolate. Leve à geladeira novamente até que essa segunda camada do chocolate fique endurecida.