Todo mundo sabe que os transfers dão um maior charme em chocolate, mas o que poucas pessoas sabem é que se pode usar o transfer para chocolate em pasta americana, para criar desenhos lindos e super decorativos.

Nós testamos duas técnicas que usam o calor para aplicar o transfer na pasta americana, já que desta forma faz com que a manteiga de cacau, ingrediente base dos transfers, amoleça e se fixe na pasta americana.

Primeiro abra a sua pasta americana com um rolo liso na espessura que desejar e coloque o transfer em cima com a face do desenho a se transferido para baixo. Passe o rolo por cima para garantir que todo o transfer esteja em contato com a pasta e remova os excessos de pasta americana com uma espátula ou faquinha.

Agora vamos as duas técnicas, que são com o ferro de passar roupa e com secador de cabelo.

Ferro de passar roupa
Para usar o ferro, ligue-o na temperatura mais baixa, em geral sinalizada com uma bolinha (●) que é indicada para tecidos como o nylon, para ir esquentando.

É importantíssimo que o ferro de passar não esteja com água para vapor, pois esta umidade pode passar para a pasta americana e estragar o seu trabalho.

Coloque um pano de prato ou um tecido de algodão em cima e passe o ferro fazendo movimentos circulares. O tempo para que o desenho do transfer se fixe na pasta americana varia conforme o ferro de passar, mas no nosso teste demorou entre 1 a 2 minutos.

Em seguida tire o pano e passe um alisador de massa por cima do acetato apenas para garantir que está tudo lisinho, espere uns 10 a 20 segundos e retire o acetato com cuidado.

Secador de cabelo
Com o secador de cabelo o processo é um pouco mais demorado pois a área em que ele deposita calor é menor do que a ferro. Na aplicação com o secador de cabelo não é preciso colocar o pano ou tecido, mas no teste achamos bom ir passando uma espátula angular para auxiliar na fixação e também para segurar a folha de transfer.

Comece a passar o secador de cabelo na temperatura média (em geral os secadores tem 3 temperaturas: baixa (como se deixasse apenas na ventilação), média (que já é quente) e alta (bem quente)) e usando o secador na posição vertical, com o bocal voltado para baixo, para que a folha de transfer não saia voando por ai.

No teste em que fizemos usamos um pedaço pequeno de pasta americana e demorou cerca de 3 minutos para que o desenho se fixasse completamente na pasta. Assim como o uso com o ferro de passar roupa, é importante esperar alguns segundos para retirar o acetato.

Vejam aqui os resultados que tivemos:

Clique na imagem para ver ampliada.

Considerações:
Antes de mais nada aconselhamos que você teste as duas técnicas para ver qual se adapta melhor.

Com o secador de cabelo, achamos que vale para pequenas porções de pasta americana, por causa do calor muito focado. Colocar um tecido por cima até ajuda para garantir que o transfer são se desloque, mas irá demorar muito mais tempo.

Já com o ferro de passar é bem mais prático e rápido, mas é preciso tomar MUITO mais cuidado. Se a pasta ficar quente demais ela derrete também, gruda no acetato e o seu trabalho já era. Por isso dá até para tirar um pouco o ferro, esperar alguns segundinhos, para voltar a passar.

Tanto com o secador como com o ferro aconselhamos você trabalhe com a sua área de trabalho polvilhada de amido de milho, para que a pasta americana não grude, e que ela seja de um material que suporte altas temperaturas, já que se ficará com o calor tanto do secador como do ferro muito próximo a ela.

E por fim é preciso lembrar que para se trabalhar com o transfer para chocolate e pasta americana o cuidado com o contraste entre o desenho do transfer e a cor da pasta não deve ser desconsiderado.